sábado, 26 de dezembro de 2009

Um dia como outro qualquer?

Bem, eu acho que posso me sentir no meu total direito de dizer que eu me sinto bem. Em parte, pra ser mais exata, tenho coisa pendentes, ah, acho que todos tem.
Em relaçao ao meu trabalho do qual falei anteriormente, digo que foi otimo. Foi divertido ser a "garota apelido", espere, eu explico, além de gessica parker, tinha também gessikinha, gessicao, chessica, chessy...
Nao sei o que é que tenho que as pessoas dizem que tenho "uma carinha..." por varias vezes escutei dizerem "voce viu a carinha que ela faz quando diz isso?", falaram também algumas vezes que tenho olhos de boneca, eu acho que exagerei no rimel.
Teve um dia em que uma senhora muito simpatica me desenhou, pegou um folder, e fez o desenho , foi no dia em que eu estava usando a minha flor no cabelo, gostei tanto do desenho, que pedi que assinasse, e aguardei, e mostrei pra todo mundo :].
Mais seja como for acho que gostavam de mim.
Apesar de acharem que eu nem tinha 18 anos ainda.
Mais o pior é que odeio despedidas...
Pra melhor entendimento digo desde o começo, é que dia 24 foi meu "ultimo dia" espero eu que ultimo como temporaria, e dai eu fico super mal com o clima que me da interiormente com isso tudo.
Eu sempre tenho medo de me abrir e me entregar as pessoas por esse meu medo de um dia acabar, por isso as vezes sou fechada, minhas amizades por exemplo começaram por iniciativa do outro e nao minha, pelo menos a maioria, e por isso eu demoro a me soltar com a presença de uma nova pessoa.
No dia 24 teve um acontecimento que me pareceu tao estranho, nunca tinha visto aquilo. Acontece que armaram uma pegadinha com um gerente que estava na loja para um treinamento, e logo depois da descoberta teve todo aquele riso, brincadeira, palavras legais pra dizer o quanto foi bom ele estar la todos aqueles dias, isso acontecia na minha frente, logo atras de mim, na parte que os consumidores nao podem ver um telefonema que nao foi bom, eu tinha entragado la minutos antes pra pegar uma coisa, uma garota chorava, e todos ao redor dela estavam apreensivos, vi um desespero nos olhos dela, de inicio achei que fosse algum cliente nervoso que havia se irritado com ela, mais foi engano meu, o telefonema era de alguem que dizia que seu pai tinha morrido...
Preferi me calar, nao sabia qual sentimento expressar, que reaçao ter, primeiro sorri com a brincadeira depois inevitavelmente fiquei pensativa pelo fato de alguem ter uma perda tao significativa numa data como esta.
Ai entra também o meu lado, no dia anterior (23) eu estava no trabalho da minha mae e uma cliente dela super simpatica começou a conversar comigo dizendo já nao acreditar mais que minha mae tinha uma filha por nunca ter me visto, dai ela me falou da sua grande historia de amor, parecida com a minha e que ela se lembrou de sua propria historia quando minha mae lhe contou da minha, ela nao perdeu tempo e começou a falar, nao deu tempo de terminar...no fim ela acabou resumindo, bem ela teve o final feliz, eu espero saber ainda as partes da historia nao contada, aguardo resposta do email que mandei pra ela.
E entao aquilo que eu luto tanto pra que adormeça, já que sei que nao vou esquecer, veio a tona. Fiquei mal, muito mal, confesso que chorei a noite quando cheguei em casa, sempre fico assim quando alguem toca nesse assunto, quando ela falava da historia dela eu me sentia no lugar dela, vivendo aquilo anos atras na epoca que ela viveu, me emocionei enquanto ela contava, parecia coisa de filme, de quando um certo alguem mais velho e experiente conta uma antiga historia pra ensinar algo.
Dai tem o natal, o qual eu nao gosto, como disse pra uma pessoa, o natal é triste e meio nostalgico e eu já sou assim na maioria do tempo nao quero um dia inteiro assim, juntou tudo, pronto, me deu um mal humor =D mais superavel.

Se eu pudesse pedir algo pediria...
♥um protetor solar pro rosto

♥ingresso pra ver alice no pais das maravilhas

♥dinheiro pra viajar p/ EUA e ver o Vin Diesel

e acho que só.
Agora, digo que eu acho que vou ficar lá, espero ser chamada para ficar de vez. Eu acho que vou :], nao sei ainda.
Só sei que gostei de lá, e quero ficar.
Eu tenho meu planos pro futuro.
Meu caro 2010 estou te esperando.



até...

PS: eu te amo




Page Graphics

7 comentários:

  1. Nossa, quem lê esse post nem imagina o quanto você estava nervosa e com medo pelo seu primeiro dia, eu me lembro tá?! rsrsrs.
    Mas como eu disse deu tudo certo, e estopu muito feliz por isso. Tenho certeza que você vai continuar nele.
    bjokinhas

    ResponderExcluir
  2. Oie!Que bom que deu tudo certo,né?Tô torcendo pra você ficar!E...Feliz Ano Novo!
    bjos
    mah

    ResponderExcluir
  3. Florrrr
    te chamei de amiga pq eh assim que a considero
    mesmo de longe acredito que jah criamos uma amizade,e fico mt feliz cm isso
    mas me conta cm foi o natal???
    desejo pra vc um 2010 maravilhoso e um reveillón repleto de felicidade
    mt sorte no emprego
    bjoks

    ResponderExcluir
  4. Oiee Bayber... tudo bem com vc? poxa amore desculpa ter sumido aki do blog mais é que tava meio sem tempo.. mais ówn te desejo um ano de 2010 repleto de coisas boas..

    ResponderExcluir
  5. oiii, me desculpa tenho estado mto "fora de area' hj em dia, mais voltei e fiz mtas atualizações no blog : www.tulipasrosas.blogspot.com, amei o texto, só não axo que o ntal seja um dia triste, FELIZ 2010 e que tudo de BOm!!!!!!!1 bjão

    ResponderExcluir
  6. Se eu pudesse pedir algo, pediria vida eterna...

    feliz ano novo ^^

    ResponderExcluir
  7. Passa lá no meu blog. O novo nome e o novo template já está no ar.
    bjokinhas

    ResponderExcluir

Vai cortar minha cabeça?

Related Posts with Thumbnails